sexta-feira, 29 de julho de 2011

Tudo junto misturado

Misturar estampas e materiais não é bem assim. Precisa seguir alguns critérios para que tudo fique em harmonia e bem bonito. Veja as dicas que achei aqui. Tá na íntegra.

Como misturar cores, listras e estampas?
Bar Funcional do Espaço Gourmet 2010, projeto de Antonio Ferreira Jr. e Mario Celso Bernardes.
Misturar cores e estampas é a nova tendência na decoração. Ambientações minimalistas e frias estão dando lugar a ambientes repletos de informação, com cores fortes, objetos antigos e garimpados em brechós, e muitas, muitas estampas e listras. O minimalismo está perdendo a vez para o maximalismo. Se você tem planos de renovar a decoração e adora misturar estilos, veja abaixo algumas dicas para harmonizar suas escolhas, sem cair no brega ou no estilo vovó.
Se você não é a pessoa mais talentosa do mundo para decoração, vá com cuidado. O ideal é começar aos poucos, colocando estampas e listras em pequenos detalhes. Prefira o sofá com tecido liso, de cor neutra, e use estampas nas almofadas. Aliás, almofadas no mesmo tom do sofá é a coisa mais sem graça do mundo. Uma poltrona também pode receber um tecido estampado ou listrado. Fica divertido.

Poucos decoradores têm o dom de usar e abusar de estampas em seus projetos.  Sig Bergamin, aqui no Brasil, e o Jonathan Adler, designer e ceramista norte-americano são ótimas opções. Em geral, a regra para combinar cores, listras e estampas é uma só. Se você pintou uma parede em casa, escolha uma estampa que tenha a mesma cor, porém em outro tom. E se ainda quiser usar listras em outra peça, o mais bacana é pegar um tecido que tenha uma das cores da estampa, também em outro tom, mas que combine com a cor da parede.

Use a intuição para misturar cores e estampas.  Mas isso pode não funcionar para alguém que não tenha familiaridade com decoração. Para essas pessoas, recomenda-se a compra de livros-guia de paletas e padrões, que oferecem muitas sugestões de misturas de cores e estampas.

Algumas combinações que dão certo: pink, bege e marrom; azul marinho, mostarda e marrom; laranja, verde musgo e azul médio; laranja, rosa e azul turquesa; cinza, mostarda e azul marinho; cinza, cereja e berinjela.

Papéis de parede funcionam bem para quem quer mudar a decoração. Use no quarto sem medo, mas em tons sóbrios. E não se limite a uma parede. Use em todo o ambiente. E aproveite as cores das estampas do papel para mandar fazer a roupa de cama. Papéis de parede vão bem em lavabos e salas de jantar. Se sua casa é jovem e descolada, use um padrão vintage, dos anos 1970, com estampas psicodélicas.

Usar estampas no sofá pode ser perigoso. Mas se você insiste, por que não usar um listrado no encosto de um sofá de almofadas soltas? Aproveite e mande fazer almofadas divertidas, que não necessariamente precisam combinar com esse listrado.

O maior risco de usar listras e estampas em casa é deixar o ambiente feminino demais. Cuidados com florais e estampas vermelhas. Xadrez é sempre uma opção mais interessante.

Menos é mais. Essa máxima funciona muito bem no design de interiores. Quanto menos informação menor o risco de errar . Verdade.  E a probabilidade dos clientes se enjoarem do espaço é menor. Mas isso não quer dizer que sua casa não precisa ter vida. Prode-se usar estampas e cores fortes em detalhes da decoração. Assim fica mais fácil trocá-los quando já derem o que tem que dar.

Fonte: via.

Bjux

Um comentário:

  1. Bom dia... tudo bem? Quanta dica bacana. Tava precisando de dicas como essas, tava com dúvidas cruéis quanto a decoração da minha sala. Se pudesse postar foto aqui pelo comentário postaria prá vc dar alguma sugestão, mas com essas dicas, acredito que vou conseguir. Obrigada por compartilhar idéias bacanas com a gente. Beijokas e muito sucesso por aqui. Bom fim de semana!

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails